Agora lascou… Se a perversão masculina antes era quase controlado pela libido oscilante das mulheres (ciclo ormonal, tpm, essas coisas), agora a putaria sacanagem nao vai mais ter fim.

“O órgão que regula drogas e alimentos nos Estados Unidos, o FDA, está decidindo se aprova uma droga para aumentar o desejo sexual em mulheres. Este transtorno – chamado de desejo sexual hipoativo (DSH) – afeta pelo menos 35% da população brasileira, segundo estimativas de psiquiatras. O medicamento flibanserin foi desenvolvido originalmente como um antidepressivo, mas, segundo o laboratório alemão dono da patente, ele teria um impacto positivo na melhora da libido.

Nos ensaios clínicos com o medicamento, muitas mulheres relataram que ele não funcionava bem como antidepressivo, mas informaram um efeito secundário “inesperado e positivo”: um maior interesse sexual e experiências sexuais mais satisfatórias. Então o laboratório Boehringer Ingelheim decidiu investigar a ação contra o DSH. E no mês passado a empresa solicitou ao FDA licença para sua comercialização nos Estados Unidos.

– O medicamento aumenta os níveis de serotonina, uma substância química que regula o humor, o ânimo, no cérebro e ainda tem efeito na dopamina, outro neurotransmissor – diz Franklin Lowe, professor de urologia clínica da Universidade de Columbia e também ligado ao laboratório alemão.”

Eu sei que essa droga aspirina vai ter muito uso fora da bula porque o proprio viagra ja tem (se tornou um kit: viagra+camisinha na carteira da galera festeira), me preocupa que ainda vai ter algum ilicito… superdose mata?

FONTE